Celulite

Imprimir
PDF

É reconhecida com facilidade. É uma afecção benigna. Ocorre em mulheres magras e gordas. É uma das patologias mais comuns no sexo feminino. Afeta 95% das mulheres, comprometendo coxas e nádegas, sendo considerada antiestética Tratamento: Intradermoterapia, Drenagem Linfática, Subcision, Ultra-som, Endermologia e Radiofrequência

Fatores Agravantes:

  • Alimentação inadequada
  • Sedentarismo
  • Transtornos ortopédicos
  • Lordose exagerada
  • Disfunção hepática
  • Disfunção gastrointestinal
  • Bebidas alcoólicas
  • Pílulas anticoncepcionais
  • Cigarro
  • Obesidade
  • Excesso de sal
  • Estresse

Curiosidades:

  • Temperatura corporal é mais fria onde há celulite.
  • Com a gravidez, há uma piora da celulite.
  • A celulite piora antes da mestruação.
  • A celulite grau III e IV é dolorida.

Estudos anato-patológicos realizados no local com celulite constataram o seguinte:

  • Pele de Laranja: corresponde aos poros foliculares pilosos cercados por zonas edematizadas. Essa zona deprimida é a pele normal ( covinhas), zona elevada que está alterada.
  • Pele acolchoada (capitonné): a superfície está " coberta" por " covinhas" cercadas por zonas elevadas, apresentando um aspecto de lóbulos ou cordões de consistência suave.
  • Roupa Apertada - Não provoca celulite . Quando existe celulite, a roupa apertada comprime os vasos, prejudicando a circulação na região e piorando a celulite.
  • Não confundir celulite com gordura localizada ? As duas alteram o visual do corpo na barriga, culotes, abdome, nádegas e parte interna do joelho. Como diz o nome, gordura localizada , pois é um aumento do tecido adiposo e a celulite é uma alteração crônica no funcionamento das células de gorduras, envolvendo outros mecanismos supracitados.
  • A celulite é classificada por graus, que vão de 1 a 4 - Quando tratada no início dos sinais, poderá responder muito bem ao tratamento.

Tratamento:
Inicialmente, deve-se fazer uma avaliação clínica detalhada, para se poder optar pelo método de tratamento mais adequado:

  • Intradermoterapia: procedimento médico pelo qual se injeta um fármaco (substância em pequenas doses, com agulhas muito curtas, nos locais onde se deseja tratar).
  • Drenagem Linfática: é uma massagem leve e estimuladora dos vasos linfáticos, provocando a desintoxicação. A drenagem linfática pode ser manual ou por aparelhos (endermologia,dermotonia).
  • Subincisão: é um método cirúrgico sob anestesia local, realizado com o auxílio de uma agulha especial.
  • Ultra-som: são vibrações sonoras que ajudam a eliminar a gordura.
  • laser: específico para tratamento de celulite
  • eletroporação: tratamento não-injetável, que permite a penetração de medicação em camadas profundas da pele, sem dor, e com excelentes resultados.

Existem determinados exercícios que ajudam a melhorar a celulite, enquanto a falta de exercícios não responde bem ao tratamento.

Recomendações:

  • Tomar líquidos (água, sucos,) - ajudam no tratamento da celulite.
  • Cremes para celulite melhoram em até 10%, mas devem ser aplicados diariamente.
  • refrigerante diet não causa celulite.
  • A lipoaspiração não elimina a celulite.
  • A dieta balanceada é fundamental para se obter um bom resultado